Os melhores perfumes para usar durante a primavera

Já reparou como o nosso comportamento muda conforme o tempo e as estações do ano? Enquanto no frio tendemos a querer ficar quietos e rodeados de conforto, no calor nosso desejo migra diretamente para atividades mais animadas e alegres. E se é assim com alimentação e roupas, porque não seria com os perfumes? Afinal, nada mais natural do que expressar nosso estado de espiríto e intenções na hora de escolher um perfume.

LEIA MAIS:
De Charlize Theron a Paloma Elsesser: mulheres dividem suas lições de vida com a Dior
Na pandemia, mulheres têm mais ansiedade, insônia e enxaqueca do que homens
Precisamos cuidar (ainda mais) do coração das mulheres

“Como a primavera no Brasil é um momento com clima já um pouco quente e com dias ensolarados, além de tudo florescendo ao nosso redor, esse contexto pede notas mais alegres e divertidas nos perfumes, e também notas radiantes”, explica Ricardo Assi, sommelier de fragrâncias da L’Oréal Luxe. Segundo o especialista a dica é optar por fragrâncias frutadas, que trazem perfeitamente esses códigos carregando o equilíbrio entre percepções saborosas e perfumadas que dão um colorido ao dia, e também fragrâncias com notas florais que trazem também essa sensação de uma maneira mais delicada, sutil, com notas de rosa ou peônia.

Tendências de perfumes para 2020

Para a primavera 2020 temos como tendência olfativa as fragrâncias florais. “Embora pareça um pouco clichê, os florais voltam a aparecer com mais evidência, mas quando digo florais não são simplesmente o floral básico e o tradicional, são florais modernizados e reinventados. Temos a faceta floral mais luminosa, que combina notas de flores com frutas cítricas, notas frescas, solares confortáveis, trazendo a sensação de bem-estar, conforto, aconchego, elegância, delicadeza e quase que um toque romântico”, diz.

  1. Fig & Lotus Flower, Jo Malone, R$ 750
  2. Idôle Le Parfum, Lancôme, R$ 419 (veja a resenha)
  3. Eau de Parfum Joy, Dior, R$ 299 (veja a resenha)
  4. Aqua Allegoria Flora Cherrysia, Guerlain, R$ 296
  5. Sky di Gioia, Giorgio Armani, R$ 369
  6. Eau De Parfum Figo & Rosa, L’Occitane en Provence, R$ 570

Também temos outra vertente que traz um floral mais marcante, opulento, quente e viciante. “Esses combinam notas de flores com notas cheias de atitude e personalidade, como a nota da baunilha, algum acorde frutado mais suculento e até mesmo uma nota amadeirada, evocando força, poder, sensualidade e intensidade”, completa.

  1. Eau de Parfum Bamboo, Gucci, R$ 398,90
  2. Woman Intense, Ralph Lauren, R$ 517
  3. Sì Passione Intense, Giorgio Armani, R$ 299 (veja a resenha)
  4. Floratta Love Flower, O Boticário, R$ 79,90
  5. La Vie est Belle Intensément, Lancôme, R$ 329
  6. L’Eau d’Issey Rose&Rose, Issey Miyake, R$ 329

Para quem quer alegria e frescor

De acordo com Ricardo, a sensação de frescor comumente é encontrada em notas cítricas como bergamota, limão, grapefruit, entre outros cítricos, além de notas aquáticas que tendem a reproduzir a sensação de mar. “Já a sensação de alegria fica por conta de algumas notas de flores, frutas e todas as suas combinações e acordes assim como a íris, que é conhecida mundialmente como a flor da felicidade e a sua persecução olfativa cria essa sensação; o néroli traz uma sensação luminosa, brilhante e solar que alegra qualquer um, e as frutas dão sabor a esses cheiros, além de também trazerem muita alegria para as composições olfativas”.

A fragrância ideal

Embora as tendências de perfumes ditem os movimentos do mercado de fragrâncias e existam notas que “traduzam” um certo estado de espírito, Ricardo explica que o conceito de fragrância ideal varia muito de pessoa para pessoa e de personalidade para personalidade, é muito subjetivo e singular. “A fragrância ideal para mim é aquela capaz de imprimir a sua personalidade sem precisar usar nenhuma imagem, e ainda assim deixar a sua marca, ao mesmo tempo que te faz se sentir bem com você mesmo”, explica.

Falando em termos mais técnicos, uma fragrância que te acompanha o dia todo e que tenha um rastro olfativo potente para deixar a sua marca pode mudar sim de acordo com o momento do dia que você escolhe usá-la, afinal o dia costuma ser mais quente que a noite e o calor ajuda a estimular a volatilização da fragrância, fazendo com que a evaporação dela na pele aumente. “Para dias quentes a afinidade tende a ser maior com fragrâncias refrescantes, porém você precisará de maiores quantidades para obter uma performance mais interessante, já fragrâncias mais marcantes em pouquíssimas quantidades já darão um show. Já em dias frios fragrâncias marcantes ganham ainda mais abertura para brilharem, e aí pode caprichar nas borrifadas”, esclarece.

Via: Marie Claire

Compartilhar: